Atendimento: Segunda a Sexta-feira das 09:00 às 18:00.

alimentação saudável covid pandemia comer bem

Alimentação na quarentena: 3 dicas infalíveis para você comer melhor

A pandemia causada pelo Covid-19 tem transformado a rotina alimentar de milhões de pessoas ao redor do mundo, que precisaram ficar em casa para se proteger do vírus. E você como está sua alimentação na quarentena?

Nesse artigo, vamos te explicar porque a má alimentação está fazendo parte da rotina das pessoas e o que se pode fazer para evitar que isso aconteça. Gostou? Então, é só acompanhar a leitura até o final!

Porque a má alimentação está fazendo parte da rotina na quarentena

Petiscos, refeições prontas, pratos congelados e outras praticidades da vida moderna fazem parte do seu dia a dia? Mesmo ficando em casa, a maior parte das pessoas continua com uma rotina agitada com trabalho, afazeres de casa, reuniões do home office, aulas online dos filhos e muitas outras funções que ocupam o tempo. Diante de tudo isso, acaba não sobrando espaço para planejar e fazer uma alimentação saudável.

Isso sem contar no lado emocional, que tem bastante influência. Nesse período de isolamento as pessoas tendem a ficar mais ansiosas e preocupadas e costumam buscar conforto nos doces ou até mesmo em alimentos gordurosos para combater o sentimento de estresse.

Por ser uma situação atípica, na qual nenhum de nós vivenciamos antes, é normal que algumas famílias deixem de ser tão rígidas em relação à alimentação e acabam deixando de lado algumas boas práticas que costumam seguir antes. Por isso, é preciso ficar atento pois além de afetar em questões bioquímicas do nosso corpo, a má alimentação é responsável por causar diversas doenças, tais como, hipertensão cardiopatias, câncer, osteoporose e a obesidade.

3 dicas para se alimentar melhor durante a quarentena

Por passar o dia todo em casa, o acesso à comida ficou mais fácil. Para se alimentar melhor durante a quarentena é necessário primeiro entender que a “vontade de comer” é bem diferente da fome. Quando estamos apenas com vontade damos preferência para alimentos ricos em açúcares que proporcionam picos de insulina e apenas trazem uma falsa sensação de saciedade, mas não satisfazem a vontade.

Quer saber como se alimentar melhor nesse período? Confira as dicas abaixo!

  1. Crie uma rotina

Sabemos o quanto o aplicativo de delivery de comida é tentador, mas há um enorme valor em cozinhar o seu próprio alimento. Além de ser um momento de descanso, colocar a mão na massa é saudável. Por isso, crie uma rotina e separe um tempo para cozinhar e comer suas refeições.

Para facilitar, deixe alguns ingredientes separados antes, assim você economiza tempo e diminui a tentação de pedir comida pelo aplicativo.

  1. Tenha um plano alimentar

Você já deve saber que uma boa alimentação contribui para o aumento da imunidade. Dessa forma, inserir alimentos saudáveis em sua rotina além de melhorar o sistema imune, tão importante nesse período, vai te ajudar a ter um estilo de vida mais saudável.

Para não ficar apenas no “vou começar na segunda-feira” faça um plano alimentar com as refeições que você vai fazer durante a semana.

  1. Respeite suas vontades, mas coloque alguns limites

Não podemos negar que a comida é uma fonte de alívio e conforto. Por isso, em momentos de estresse e tensão temos a tendência de comer mais, principalmente fast foods e alimentos ricos em açúcar.

A pandemia pode deixar você mais preocupado e ansioso, então foque em colocar no seu prato nutrientes que te ajudem a manter a saúde em dia. Claro que os pedidos nos aplicativos para alimentos pouco saudáveis não estão proibidos, mas uma boa maneira de trazer equilíbrio é colocar um limite na quantidade de pedidos por mês.

Flexibilize sua alimentação, mas sem deixar de lado o bom senso. Sendo assim, o ato de comer bem fica mais agradável e leve.

Pegue leve consigo mesmo tendo uma boa alimentação na quarentena

Cuidar da alimentação é sempre a melhor alternativa para se ter uma vida saudável. Mas, comece inserindo os alimentos gradativamente em sua rotina, se mantendo hidratado, organizando suas noites de sono e praticando exercícios físicos.

Esse não é o momento de restrições alimentares, mas sim o período que mais precisamos de uma alimentação consciente, equilibrada e sem radicalidade.

Leave a Comment

(0 Comments)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat