Atendimento: Segunda a Sexta-feira das 09:00 às 18:00.

Incontinência fecal

 

A incontinência anal é definida como perda de gases e/ou fezes de forma involuntária, trazendo prejuízo na qualidade de vida. Por ser uma condição estigmatizante, o paciente evita o convívio social e muitos não procuram atendimento médico.

A perda involuntária de gases e/ou fezes é multifatorial. Ocorre principalmente devido a traumas locais, como cirurgias, partos vaginais complicados e radioterapia. Também está associada a doenças crônicas como diabetes mellitus, obesidade e doença de Crohn, a uso crônico de alguns medicamentos e ao período pós-menopausa.

O diagnóstico é feito através de história clínica e exame físico detalhados, bem como exames complementares: manometria anorretal, ultrassom endoanal, ressonância magnética, eletroneuromiografia, entre outros.

O tratamento deve ser individualizado, sendo que mudanças dietéticas, comportamentais e fisioterapia pélvica são grandes aliados para restabelecer a função anal.

Precisa de mais informações?

Entre já em contato com a nossa equipe!

Open chat