Atendimento: Segunda a Sexta-feira das 09:00 às 18:00.

Risco da Trombose no cenário Covid e o caso Anitta

Depois de várias notícias na mídia sobre o caso da cantora Anitta com trombose nas pernas, decidi compartilhar algumas curiosidades pois tenho recebido várias dúvidas dos meus pacientes. A repercussão do caso traz alerta, principalmente na fase de Covid-19 em que nos exercitamos menos e passamos mais tempo sentados na mesma posição.

Em primeiro lugar, o que é Trombose?

De forma resumida é uma formação de coágulo de sangue em veia ou artéria, impedindo sua circulação, provocando dor e inchaço no local afetado. 

No primeiro caso, dependendo da veia que o coágulo afeta, este pode vir a se soltar, viajando pelo sangue até parar no pulmão, causando a embolia pulmonar, condição bastante grave que exige atendimento imediato por ter alto índice de mortalidade. No caso de coágulo na artéria, pode ocasionar necrose no tecido que ela irriga levando a uma gangrena.

Quais os sintomas de Trombose Venosa Profunda (TVP)?

Inchaço, vermelhidão e calor no local afetado que pioram com o tempo. Dor ou sensação de peso, sensibilidade e pele enrijecida. 

Em casos raros a pessoa não tem sintomas (observado em pessoas que vivem cronicamente na cama)

Por que a pessoa tem trombose, quem tem maior risco de ter?

Pessoas que sofreram fraturas de ossos ou grandes ferimentos musculares principalmente quando submetidos a cirurgias de joelho e quadril; que fizeram cirurgia com mais de 1 hora de duração; mulheres que fazem uso de anticoncepcional ou reposição hormonal; tabagismo; ficar sentado ou em pé parado por muito tempo; presença de varizes; obesidade; pessoas com histórico de trombose e hereditariedade; idade superior a 65 anos; com câncer; doenças que tornam o sangue mais grosso; histórico de infarto; AVC; insuficiência cardíaca ou doença pulmonar; diabetes.

Como é feito o diagnóstico pelo médico?

O médico fará inicialmente exame clínico e para confirmar o diagnóstico pode solicitar alguns exames como, ultrassonografia, exame de sangue, venografia, Eco Color Doppler, Tomografia e Ressonância Magnética.

Como tratar, tem cura?

Assim que diagnosticado, o tratamento de trombose deve ser iniciado. Existem medicamentos anticoagulantes, meias de compressão para melhorar edemas e outros tratamentos adotados em casos mais graves. Todo o tratamento é ministrado somente com indicação médica e será específico para cada caso. 

A cura depende do grau da trombose e em alguns casos pode haver sequelas.

Quais as sequelas de uma trombose?

A perna pode ficar permanentemente inchada, com manchas amarronzadas, feridas de difícil cicatrização e infecções de repetição. Isso pode ser evitado com tratamento precoce.

Como evitar?

A maior parte das causas são evitáveis, por isso procure um médico Vascular periodicamente, pois os tratamentos e prevenção devem ser individualizados.

Manter estilo de vida saudável: exercite-se, faça caminhadas regulares, evite o aumento de peso corporal, tome bastante água, evite ficar mais de duas horas parado na mesma posição, use roupas confortáveis, evite cigarro.

Afinal, o que ocorreu com a Anitta?

anitta trombose

O caso dela está sob investigação dos seus médicos e só temos notícias jornalísticas do que aconteceu. Não é possível citar aqui o que realmente foi fator agravante sem realizar todos os exames e pesquisas. Como citado anteriormente, a causa pode-se dar por vários fatores como caso hereditário, postura, roupas apertadas, doenças que levam a mudança da consistência sanguínea e etc. A resposta exata só pode ser dada com análise clínica e laboratorial.

Doutor Sergio Zupo, Cirurgião Vascular e Angiologista.

Leave a Comment

(0 Comments)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *